Lançamento do novo single de Leo Middea

Eu Vou Fazer Você Voar

Aos 73 anos, Alceu Valença tem acompanhado o passo veloz do mercado fonográfico e, em vez de gravar álbuns com músicas inéditas, vem priorizando os singles para apresentar repertório novo.

Em novembro, o cantor e compositor pernambucano lança música inédita, Eu vou fazer você voar, em single gravado neste segundo semestre de 2019.

Parceria do artista com Herbert Azul, compositor e músico alagoano que já integrou a banda de Alceu, Eu vou fazer você voar vem sendo mostrada desde setembro no roteiro do show Amigo da arte, estreado por Alceu em setembro.

Em turnê pelo Brasil, o show Amigo da arte é focado nas recorrentes relações do cancioneiro de Alceu com a literatura e a poesia.

Evidentes desde os anos 1970, década em Alceu alcançou projeção nacional, as referências literárias e poéticas da obra de Alceu às vezes se multiplicam na letra de uma única composição.

A letra da música Agalopado (1977), por exemplo, alinha versos que aludem ao escritor Guimarães Rosa (1908 – 1967) (“Viro rosa, vereda de espinhos”) à poesia de Carlos Drummond de Andrade (1902 – 1987) (“Viro pedra no meio do caminho“) e ao espanhol Miguel de Cervantes (1547 – 1616) (“Dom Quixote liberto de Cervantes”).

Já a canção Na primeira manhã (1980) tem verso – “Como um conde falando aos passarinhos” – que remete à escrita do cronista Rubem Braga (1913 – 1990).

Mestre Fuba no Prêmio de Música 2020

Fuba representa a Paraíba no 7º Prêmio Grão de Música

O músico paraibano Fuba conquistou o Prêmio Grão de Música (PGM), que chega a sétima edição neste ano, com 15 artistas premiados de 14 estados. Compositores, compositoras e intérpretes, de diferentes gerações e estilos musicais, são anualmente selecionados pela curadoria do PGM pelo conjunto de sua obra. Todos têm como fator comum o destaque para a canção em sua trajetória.

Veja os ganhadores:

  • Aparecida Silvino (CE)
  • Célia Sampaio (MA)
  • Darwinson (GO)
  • Euterpe (RR)
  • Fuba (PB)
  • Graça Gomes (AC)
  • Joana Terra (BA)
  • Jonathan Silva (ES)
  • Marfiza (RO)
  • Nilze Carvalho (RJ)
  • Osvaldinho da Cuíca (SP)
  • Patrícia Quinteiro (RJ)
  • Sergival Silva (SE)
  • Valéria Oliveira (RN)

“É com muita alegria que compartilho com vocês que fui um dos 15 selecionados na 7a edição do @premiograodemusica, com a música “500 anos… nada a comemorar”.
Vou deixar o link da música na bio para quem quiser ouvir”, escreveu Fubá nas redes sociais.

Lançamento do álbum Ethos do cantor e compositor Juba

O cantor e compositor JUBA lança, no dia 13 de novembro de 2020 o seu primeiro álbum de estúdio, intitulado ETHOS. Na empreitada, reúne uma legião de colaboradores da nova safra da música pernambucana para integrar uma obra que arrebanha diversos ritmos nordestinos e os envolve em trajes modernos, sem nunca perder sua essência.As letras passeiam por odes à natureza, amores que nascem e que definham, críticas à intolerância e contemplações sobre a solidão e a tristeza, tudo isso embalado por dedilhados de viola, aboios sertanejos, metais de frevo, palmas de coco, sintetizadores, guitarras e outras incursões musicais. O resultado são faixas que vão de festivas, como o forró Bacupari, cajuí, cambará, a mais intimistas, vide o fado-xote Alto mar.

Nova fase do The Voice terá show dos jurados cantando Alceu Valença

Terminaram as “Audições às Cegas” e os times de Carlinhos Brown, IZA, Lulu Santos e Michel Teló já estão completos. Os 64 candidatos aprovados para o ‘The Voice Brasil’ deste ano agora seguem para a fase de “Batalhas”, que começa nesta quinta (5).

Nesta etapa, os técnicos dividem seus times em duplas, com integrantes que cantam juntos uma mesma música. A cada show, um participante é escolhido como o vencedor do duelo pelo técnico do time e avança na competição. O outro candidato fica disponível para o “Peguei” – se resgatado por outro técnico, segue no programa em um novo time; caso contrário, deixa o reality. O botão de bloqueio também pode ser usado durante as “Batalhas”, tirando o time rival da disputa pelo candidato disponível para resgate. Além das apresentações dos competidores, a noite de estreia da nova fase tem uma performance especial dos técnicos com um dos sucessos de Alceu Valença.

Leo Middea transforma ansiedade em valsa em clipe gravado em Portugal

Leo Middea expõe seus dilemas pessoais no videoclipe da canção “Valsa”. O cantor e compositor carioca canta ânsias de amor e traz à tona questões de saúde mental representadas na dança da bailarina Daniela Casimiro. O vídeo tem direção de Rita Grazina e passa por locações em Lisboa, Azeitão, Setúbal, Arrábida, Cabo Espichel, Cascais e Carcavelos, em Portugal, onde Middea está radicado atualmente.

Assista “Valsa”: https://youtu.be/_fOK78jIxEM

Os primeiros versos de “Valsa”, canção presente no álbum “A Dança do Mundo”, surgiram após o término de uma relação curta, porém intensa. A letra fala sobre a falta de algo, de alguém. “Acho que quando se faz algo verdadeiro vindo direto do coração é facilmente passado para o coração do próximo”, diz Middea.

Apesar da linha poética, a música vai além do sentimento. A dualidade entre amor e desamor, felicidade e rotina vêm das crises de ansiedade e pânico do próprio artista. Essas questões são retratadas no videoclipe em forma de dança, mesclando os passos da bailarina ao cotidiano de Leo, em diferentes situações ao longo do dia. A abordagem visual para a canção permitiu dar forma a um transtorno emocional que é silencioso e, muitas vezes, invisível.

“Eu quis abordar esse tema pois tive essas crises por muito tempo e como ‘Valsa’ é uma música super sincera, é o meu coração falando sobre o que eu estava passando. Resolvi também transparecer na linguagem audiovisual algo que ocorria comigo e que pouca gente sabia”, completa ele.

Leo Middea retrata em suas composições temas pessoais, mas ao mesmo tempo, universais. As músicas autorais falam dos medos, das paixões, dos sonhos, dos desgostos e de tudo inerente à experiência humana. Seu trabalho pode ser ouvido nos dois registros de estúdio: “Dois” (2014) e “A Dança do Mundo” (2016).

O álbum mais recente é um mix de experiências e aprendizagens adquiridas em viagens por diversos países. Lançado em março de 2016, o disco logo conquistou um lugar em diversas seleções de melhores álbuns do ano e obteve resenhas positivas pela imprensa brasileira e portuguesa. Do carimbó ao rock, “A Dança do Mundo” contou com a participação de artistas como Laura Lavieri (conhecida por sua parceria com Marcelo Jeneci), o violoncelista cubano Yaniel Matos, Nina Oliveira, Jota Pê, entre outros.

Após um ano de divulgação do registro, o cantor e compositor mudou-se para Lisboa. Essa virada trouxe mais de 40 concertos em Portugal, destaque para os dois últimos shows com casa lotada. Os próximos passos de Leo Middea são uma turnê na Itália e o retorno ao Brasil para dar continuidade ao seu trabalho.

 

 

Alceu Valença promete live para o próximo domingo

O cantor e compositor pernambucano Alceu Valença,73 anos, informou nesta segunda-feira por meio do Instagram que deverá fazer a primeira live durante o isolamento social no próximo domingo (03/05/2020).

O artista detalhou que a live será veiculada às 18h no canal oficial do cantor no YouTube. Na última postagem de Alceu nas redes sociais, alguns fãs pediam para que ele fizesse parte do grupo de artistas que utilizam as plataformas para shows e apresentações durante o distanciamento social provocado pela Covid-19.
“É live do Alceu que vocês querem? Então anote na agenda e marque os amigos: domingo, dia 3 de maio às 18h no canal de Alceu no Youtube! Inscreva-se: // link na bio // e ative o sininho para ser avisado assim que começar!”, diz o anúncio feito pelo cantor.
 Página 1 de 3  1  2  3 »